Ensina na Cozinha leva ao desenvolvimento de voluntários e pessoas com deficiência

Com o objetivo de proporcionar a experiência social de inclusão entre voluntários de uma empresa parceira e pessoas com deficiência, o Ensina na Cozinha é um projeto de voluntariado corporativo que busca desenvolver habilidades e competências destes dois grupos. 

Atividades

Sob orientação de um chef de cozinha, voluntários e pessoas com deficiência aprendem uma ou mais receitas que são possíveis de serem replicadas em sua rotina pessoal em suas casas.

Durante a ação, o voluntário tem a missão de facilitar o aprendizado da pessoa com deficiência e incentivar ao máximo sua autonomia e desenvolvimento. Durante este processo é possível perceber a quebra de barreiras quanto à inclusão. Enquanto para a pessoa com deficiência, o Ensina é uma oportunidade de inclusão, conhecer novas pessoas, lapidar seus talentos, aprendendo a cozinhar, comunicar e se organizar.

Ensina na Cozinha durante o Colgate Cares Day 2019

A edição realizada em parceria com a Colgate foi uma iniciativa alinhada com o mês do voluntariado, o “Colgate Cares Day”.

A ação aconteceu no restaurante do escritório da empresa em São Paulo. Os participantes de 4 grupos diferentes foram:

  1. Voluntários Colgate;
  2. Alunos com e sem deficiência da Escola Municipal Ana Maria;
  3. Alunos com deficiência da Escola Municipal de Ensino Fundamental Prof. Millor Fernandes; e
  4. Alunos com deficiência da instituição especializada Instituto de Cegos Padre Chico.

O Chef Carlos Conceição guiou o grupo durante as receitas de pão salgado recheado e salada de frutas decoradas. As receitas escolhidas tinham como objetivo proporcionar a participação de todos do começo ao fim da experiência inclusiva por meio da culinária.

O desenvolvimento das crianças na ação

A ASID Brasil se preocupa em coletar a opinião sobre a ação com todos os envolvidos. Uma pesquisa de satisfação foi criada para que crianças com deficiência intelectual e visual pudessem responder sobre a ação da forma mais independente possível.

1) O que você achou do seu dia hoje?
2) Como você está se sentindo depois do dia de hoje?
3)Você aprendeu algo novo? O que?
4) O seu dia foi bom?

As respostas foram:

  • 92% das crianças  afirmaram que seu sentimento pós ação era de muita felicidade e com amigos.
  • 100% das pessoas com deficiência afirmaram que a aula foi legal, que aprenderam algo novo e que tiveram um bom dia.
  • 63% das crianças comentaram* ter aprendido sobre higiene bucal
    *este foi um comentário espontâneo das crianças , não havia uma pergunta específica para o tema
  • 97% das crianças comentaram ter aprendido a fazer pão
  • 7 crianças mencionaram como foi interessante a interação com crianças com deficiência
Essas foram as palavras que mais se repetiram nas pesquisas de satisfação das crianças

Sentimentos dos voluntários após a ação

Ao final da ação, questionamos o grupo sobre qual o sentimento de cada um naquele momento. As respostas foram ilustradas por meio da nuvem de palavras abaixo. O tamanho das palavras está diretamente ligado a quantidade de vezes que o sentimento apareceu nas respostas dos voluntários.

Essas foram as palavras que mais se repetiram nas pesquisas de satisfação dos voluntários

Resultados

  • 87 horas de voluntariado
  • 24 crianças com deficiência e 28 crianças sem deficiência participantes
  • 29 voluntários da Colgate
  • 9,7 foi a nota de satisfação média com a ação

Quer conhecer mais projetos de voluntariado da ASID ? Clique no botão abaixo.


Sem respostas a "Ensina na Cozinha leva ao desenvolvimento de voluntários e pessoas com deficiência"


    Tem algo a dizer?

    Se você achou este conteúdo útil, compartilhe com quem possa se interessar!