ASID utiliza investimento de impacto para expandir sua atuação para São Paulo

Desde 2010, a ASID Brasil busca desenvolver ferramentas e estratégias que colaboram para a construção de uma sociedade inclusiva. Em 2015, com o cenário de instituições e de empresas parceiras já muito restrito em Curitiba, sentimos a necessidade de expansão para o estado de São Paulo.

Após uma série de visitas a instituições na capital paulista, reuniões e análises, no início de 2016 iniciamos um plano para a criação de um novo escritório, com adaptações da metodologia, mapeamento e criação de uma rede de instituições, diagnóstico social, prospecção de empresas parceiras e estabelecimento da marca da ASID na cidade. A criação do plano contou com três consultores da SAP Global que participaram do programa SAP Sabbatical e assim passaram um mês no Brasil apoiando a ASID nesse planejamento.

O grande objetivo traçado: até 2025, a ASID impactar 10 milhões de vidas.

Para que a expansão proposta fosse possível, observamos as tendências de investimento de impacto, pesquisando e conversando com especialistas da área. Assim, percebemos que o investimento de impacto seria a ferramenta certa para proporcionar o crescimento da ASID, tornando-nos uma uma das organizações sociais pioneiras a atuar com esse tipo de investimento no Brasil.

Mas, afinal: o que é investimento de impacto?

É um investimento que carrega um propósito diferente dos demais. Visa a geração de um impacto socioambiental ao mesmo tempo em que gera resultado financeiro positivo de forma sustentável. Assim, abrange não apenas atividades de cunho socioambiental, mas também projetos de empresas, fundações, institutos e governos, buscando sempre conciliar os resultados financeiros com a possibilidade de gerar impacto positivo. Como em qualquer investimento, os financiadores dos projetos têm o objetivo de alcançar e avaliar o alcance dos objetivos propostos.

A rodada de investimento para a expansão da ASID aconteceu utilizando esse tipo de negócio em dois momentos. Primeiramente, por meio da participação de pessoas físicas, e, mais tarde, por meio de uma empresa investidora social de São Paulo:

  • Em agosto e setembro de 2016 a ASID prospectou pessoas físicas que almejassem realizar um investimento de impacto, com o retorno de 80% do IGP-M. Dessa forma, 09 pessoas aceitaram a participação nesse projeto, totalizando um investimento de R$110.000, permitindo que o “plano de guerra” fosse acionado. Com isso, todo o capital foi coletado no mês de setembro de 2016.
  • Ao longo do projeto a ASID percebeu que era possível fazer mais. Por essa razão, a Bemtevi, investidora social sediada em São Paulo, investiu em um segundo projeto de expansão para que a ASID pudesse aumentar seu time de captação de recursos na cidade e, aproveitando o momento econômico, gerar ainda mais impacto para a pessoa com deficiência e com isso menor será a correção do dinheiro que deve ser paga, chegando a 0,0% de juros e correção. O projeto totalizou R$60.000 e tem duração de setembro de 2017 até o primeiro trimestre de 2019.

Investimento de impacto

Quer saber mais sobre investimento de impacto e sobre o trabalho que a ASID vem construindo em São Paulo? Baixe o nosso e-book completo sobre investimento de impacto!

E-book Investimento de Impacto


Sem respostas a "ASID utiliza investimento de impacto para expandir sua atuação para São Paulo"


    Tem algo a dizer?

    Se você achou este conteúdo útil, compartilhe com quem possa se interessar!